Neste mês de fevereiro, o projeto Fortalecendo Experiências de Economia Solidária em Santa Catarina (FORTEES) retoma as atividades de visitas e articulações aos grupos acompanhados, dando ênfase especial aos grupos novos, que receberão assessoramento na elaboração dos seus planos de negócios, iniciados durante o Curso de Gestão e Viabilidade Econômica.

Com a proposta de inclusão de grupos de baixa renda, publico prioritário do CadÚnico, o projeto FORTEES propiciou oficinas e o Curso de Gestão, incentivando os participantes à pratica da cooperação e da autogestão, princípios que regem a Economia Solidária.

Para a efetivação deste trabalho, a articulação local do Projeto FORTEES em Caçador concentra suas visitas de acompanhamento neste mês a esse publico iniciante na EcoSol, auxiliando os grupos a se fortalecerem com proposito de geração de renda, contribuindo assim para a melhoria na qualidade de vida das famílias e comunidade.

 

Suzana Ribeiro dos Santos, articuladora da região de Caçador