Sessenta empreendimentos de economia solidária serão acompanhados pela Cáritas Brasileira Regional Santa Catarina nos próximos dois anos. O projeto que possibilita essas e outras atividades foi selecionado no edital de Seleção Pública 2010 do Programa Petrobras Desenvolvimento & Cidadania da empresa Petrobras.

A iniciativa busca fortalecer os grupos acompanhados, oportunizando a inserção em cadeias produtivas, melhorando a autogestão e a qualificação do produto, tudo isso com vistas a melhoria da renda e consequentemente das condições de vida das pessoas envolvidas.

Na Arquidiocese de Florianópolis, a ASA será a entidade-membro da Cáritas responsável pela execução, e uma articuladora local já foi contratada. Dos dez grupos mapeados, oito grupos já receberam a visita da ASA e mais dois estão para serem visitados ainda nesse mês de abril.

O projeto conta ainda com a realização de oficinas temáticas: economia solidária, catadores, plantas medicinais, hortas comunitárias, sementes crioulas e comunicação social, este último específico para a juventude.

E ainda, até o término do projeto, o surgimento de 15 novos grupos de economia solidária, que ao longo desses dois anos serão fomentados junto as Caritas Diocesanas.

O projeto surge como uma possibilidade viável de fortalecimento desses empreendimentos; apostar nos pequenos grupos locais, e nas experiências sustentáveis sempre foi prioridade para a Rede ASA/Cáritas, e que será fortalecida ainda mais a partir desse projeto.

 

Por Carla Guimarães, da equipe da Ação Social Arquidiocesana.