CRDH

A Cáritas Brasileira Regional de Santa Catarina e o Centro de Referência em Direitos Humanos – CRDH “Estamira Gomes de Sousa” vêm tornar público o término do convênio nº 791588/2013, que possibilitou a estruturação do CRDH na cidade de Florianópolis/SC, com vigência até dia 30 de julho de 2015, período em que se cumpriram todas as metas e objetivos previstos no contrato celebrado entre a Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República e a Cáritas Brasileira.

Tivemos um período curto de vigência de apenas 01 (um) ano e 03 (três) meses, tempo em que nos referenciamos através da mobilização e articulação com órgãos e instituições que lutam na defesa e promoção dos Direitos Humanos no Estado de Santa Catarina. Apesar das muitas lutas e desafios em pleno fluxo em nosso Estado e país, precisamos registrar alguns pontos nesse momento de encerramento.

O projeto “Centro de Referência em Direitos Humanos” destinou-se à implantação de um espaço de referência para a mobilização social, articulação em rede e atendimento direto às situações de violação de direitos humanos, no município de Florianópolis/SC, tanto em sua dimensão difusa e coletiva, quanto na dimensão específica e individual. A dinâmica do projeto visou à consolidação do CRDH no contexto local e nacional, para adquirir legitimidade enquanto mediador e articulador das estruturas e serviços voltados à garantia dos direitos humanos, nos três eixos: promoção; defesa; e controle e efetivação dos direitos, observando os princípios da universalidade, indivisibilidade e interdependência dos Direitos Humanos.

Nesse sentido, lamentamos profundamente o término do convênio, tendo em vista, as grandes possibilidades construídas nesse curto espaço de tempo. Entretanto, reafirmamos a nossa missão institucional em continuar a luta pelos direitos humanos em todos os espaços de atuação da rede Cáritas. Por fim, agradecemos a todas e todos que estiveram junto ao CRDH “Estamira Gomes de Sousa”, construindo espaços de promoção e defesa dos direitos humanos e que dedicaram suas vidas por esta causa.

Carinhosamente,

Cáritas Brasileira Regional de Santa Catarina.