assembleia-2009-019

As entidades-membro filiadas à rede Cáritas no estado, em conjunto com as demais dioceses inseridas na caminhada regional, reuniram-se em assembleia geral ordinária da Cáritas Brasileira Regional Santa Catarina em Lages, na serra catarinense, nos dias 04 e 05 de março. O Centro de Formação Católica recebeu os participantes de 7 entidades filiadas e 3 dioceses em processo de fundação de Cáritas Diocesanas.

A 5ª assembleia iniciou no dia 04 a tarde, com as regências estatutárias de apresentação e aprovação do edital de convocação, leitura e aprovação da ata da 4ª assembleia, apresentação e aprovação do regimento e dos relatórios financeiro e de atividades. Mas os objetivos principais desta assembleia eram de construir o Plano Operativo Anual (POA 2009) e de eleger os membros do Conselho Regional e seus suplentes, sendo 3 novos titulares e dois suplentes eleitos para um período de 4 anos.

Pe Roque, secretário executivo da Cáritas Brasileira Regional Santa Catarina, relata que a assembleia foi um espaço muito rico de debate, partilha, que reafirmou as prioridades na dimensão do território e desenvolvimento solidário e sustentável articulado com os movimentos sociais; na perspectiva de direitos e controle social em políticas públicas; no fortalecimento com as pastorais sociais, CEB’s e o conjunto da Igreja; e a sustentabilidade da própria rede. Esse fortalecimento ficou evidente na preocupação regional com a formação dos agentes cáritas e da sociedade civil, da discussão da política de comunicação no regional e da situação de emergência vivenciada por três dioceses, mas que teve repercussão direta em todo o estado.

Lembrou Pe Roque, a importância da presença de Maria Cristina dos Anjos, diretora executiva da Cáritas Brasileira, acompanhando e incentivando os trabalhos e indicou que durante o quadriênio 2008-2011 a meta é de constituir Cáritas Diocesanas nas dioceses que ainda não tem e o primeiro passo já foi dado com a implantação da Cáritas na diocese de Rio do Sul, em junho.

A partilha vivenciada na assembleia, os elementos de debate e os encaminhamentos tomados demonstram o fortalecimento da ação Cáritas em todo o estado e justificam a razão de entrega e cooperação de toda a rede Cáritas Regional Santa Catarina.