A Ação Social Arquidiocesana realizou, em parceria com os organizadores do Encontro Interdiocesano dos Grupos Bíblicos em Família e Comunidades Eclesiais de Base, no dia 20 de maio uma Feira Arquidiocesana de Economia Solidária e contou com a participação de mais de 2000 participantes.

Participantes do Interdiocesano puderam conhecer os trabalhos dos grupos de Economia Solidária da Arquidiocese.

Os participantes puderam encontrar produtos de 7 empreendimentos da Arquidiocese: “Mulheres em ação pela Superação”, com a produção de sabão ecológico de Nova Trento, “Mãos Unidas”, com acessórios para mesa e banho em Biguaçu, “Criando e Costurando”, grupo que produz jogos de lençóis na Tapera, sul da Ilha, “Arte Sustentável”, com bolsas confeccionadas a partir do aproveitamento de tecidos na Enseada do Brito, “Kunhague Rembiapó” e “Pira Rupá”, grupos tradicionais indígenas do Morro dos Cavalos e Massiambu e “Doces da Fortuna”, grupo de comunidade remanescentes de Quilombolas que produzem doces, geléias, bolachas e granola em Garopaba. Esses grupos são acompanhados pelo projeto “Fortalecendo Experiências de Economia Solidária em Santa Catarina” – FORTEES, que conta com o patrocínio do Programa Petrobras Desenvolvimento & Cidadania, da Petrobras.

Além de fornecer uma oportunidade de comercialização aos grupos, a feira proporcionou a divulgação dessa nova economia. A Economia Solidária é um jeito diferente de produzir, vender, comprar e trocar o que é preciso para viver. Sem explorar os outros, sem destruir o ambiente e cooperando. Essa economia vem se apresentando nos últimos anos como uma alternativa de geração de trabalho e renda e uma resposta a favor da inclusão social.

A ASA agradece a todos que visitaram a Feira e convida para a próxima que acontecerá no dia 07 de setembro, em Florianópolis.

Por Adriana Silveira Ruiz Diaz, articuladora local na região de Florianópolis.